PROLEC - capaO PROLEC – Provas de Avaliação dos Processos de Leitura é o teste mais utilizado por fonoaudiólogos, psicólogos e professores em países de língua hispânica, na avaliação de crianças disléxicas e, é igualmente empregado nas investigações científicas sobre dificuldades de aprendizagem como demonstram as numerosas vezes em que aparece citado nas publicações sobre esse tema.

Diante do sucesso desse instrumento desenvolvido por Fernando Cuetos, Blanca Rodrigues e Elvira Ruano, na versão original em espanhol, as pesquisadoras brasileiras Simone Aparecida Capellini e Adriana Marques de Oliveira, em parceria com Fernando Cuetos, adaptaram a ferramenta para uso no Brasil, com o objetivo de oferecer uma ferramenta capaz de identificar as dificuldades que interferem no processo de desenvolvimento da leitura, atuando como um guia para orientar programas de recuperação.

O processo da aquisição e desenvolvimento da leitura é um dos principais pontos da aprendizagem, senão, o mais importante, pois a leitura figura como o ápice do desenvolvimento humano no que diz respeito à socialização, profissionalização, desenvolvimento intelectual e lazer.

Por estas e outras razões os processos de leituras passaram a ser estudados com mais afinco ao longo das últimas décadas, pois as razões que interferem no desenvolvimento positivo da leitura são diversas, podendo estar associadas a problemas congênitos ou adquiridos.