Saiba como as autoras, Eriane Zingano Wainstein e Denise Ruschel Bandeira, tiveram a ideia de publicar o livro: Preciso de um psicodiagnóstico. E agora?

preciso de um psicodiagnósticoTudo começou numa sala de aula do curso de especialização em Avaliação Psicológica da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Isso era início de 2011. Eu estava dando aula na disciplina de Avaliação Psicológica no Contexto Clínico e Eriane era uma aluna muito participativa, sempre trazendo muitos exemplos clínicos e contribuições. Uma dia, convidou-me para escrever um livro sobre Psicodiagnóstico para crianças, um antigo sonho (um desafio para quem tinha como prática a escrita de textos científicos). Pensou em fazer do livro a monografia do curso de especialização. Aceitei na hora, pois sempre tive muita proximidade com o tema e com a faixa etária! Comentei, porém, que esse não poderia ser o objeto da monografia, já que esta tinha requisitos científicos específicos.
Então, juntamente com a construção do livro, montamos uma proposta de pesquisa para conhecer o que os profissionais que encaminham crianças para um psicodiagnóstico entendem sobre avaliação psicológica, como denominam essa atividade, como realizam os encaminhamentos, etc. Os profissionais entrevistados auxiliaram nessa construção e somos agradecidas a eles!
Logo no início do processo, Eriane me ligou muito dizendo que tinha acordado no meio da noite e, inspirada pela Profa. Jurema Alcides Cunha (autora do clássico livro Psicodiagnóstico V, referência na nossa área e com quem trabalhei por algum tempo), tinha feito várias páginas do nosso livro, com desenhos de “palitinhos”, falas e escritos sobre os passos do psicodiagnóstico! Foi esse o material de início de todo o trabalho de um ano, acompanhadas pelo desenhista Brandel Filho que, com criatividade, ia absorvendo nossas ideias e colocando-as em graciosos desenhos!
Depois desse período, recheado de encontros muitos divertidos e por vezes catárticos, pelo acúmulo de trabalho de duas mães, esposas, donas de casa e trabalhadoras, podemos agora compartilhar com vocês nossa produção lúdica, esperando que seja útil para muitas crianças e suas famílias!
Eriane Zingano Wainstein e Denise Ruschel Bandeira (autoras).