TEADI-TEALTO Teste de Atenção Dividida (TEADI) fornece uma medida referente à capacidade da pessoa dividir a atenção, ou seja, a capacidade do indivíduo para procurar mais de dois estímulos simultaneamente.  Por sua vez, o Teste de Atenção Alternada (TEALT) avalia a capacidade que o sujeito tem para focar a atenção ora em um estímulo, ora em outro, ou seja, a capacidade de alternar a atenção. Em ambos os testes, ao procurar os estímulos alvo, o sujeito deverá desconsiderar os estímulos distratores.

2ª Edição! A segunda edição foi elaborada com o objetivo de ampliar os estudos normativos de ambos os instrumentos. Os novos dados coletados foram incorporados à amostra anterior, apresentada na 1ª edição. A atualização das normas do TEADI e TEALT apresenta informações relativas a seis estados brasileiros: Bahia, Mato Grosso do Sul, Paraná, Santa Catarina, São Paulo e Sergipe.

Conheça as principais áreas de aplicações: Avaliação no contexto da perícia para o Trânsito (CNH); avaliação no contexto da Psicologia do Trabalho e Psicologia Organizacional (processos de seleção, treinamento e desenvolvimento, entre outros); avaliação no contexto da área de Segurança (Porte de Armas); avaliação clínica e psicodiagnóstico; orientação profissional; psicologia escolar e educacional; avaliação neuropsicológica.

Tempo de aplicação: Ao todo, o processo de aplicação para cada um dos instrumentos não ultrapassa 10 minutos, sendo que o tempo exato para responder ao TEADI é de 5 minutos, e ao TEALT é de 2 minutos e 30 segundos. A aplicação pode ser coletiva ou individual. 

O autor, Fabián Javier Marín Ruedaé Psicólogo, possui curso de Perito Examinador de Trânsito pela Universidade de Ribeirão Preto, é Mestre e Doutor em Psicologia, com área de concentração em Avaliação Psicológica, pelo Programa de Pós-graduação Stricto Sensu em Psicologia da Universidade São Francisco. Professor da Graduação e da Pós- graduação Stricto Sensu em Psicologia da Universidade São Francisco.